Fotografia Não Digital em BsAs

Este ano resolvi retomar com força total a fotografia analógica. Gosto muito da fotografia digital, mas a fotografia de filme tem muito mais… qual seria a palavra? Sensibilidade? Sim. Precisamos estar muito mais atentos com o que está ao redor, as condições de luz, etc. pois não poderemos ver no lcd como ficou a foto e tirar mais 43 até chegar ao resultado desejado. Mistério? Sim. Fazer uma imagem e não ter a gratificação imediata de ver o resultado gera uma ansiedade misteriosa que dura até a revelação. Que termo, revelação. Maravilha! Uma imagem revelada. Paciência? Sim. Fazer imagens com uma câmera analógica exige uma dose extra de paciência. Vasculhar a cidade em busca de lojas que ainda vendam filmes preto e branco, colocar o filme na câmera, esperar a revelação, ver o contato, escolher a foto, ampliar… Prazer? Talvez esta seja a palavra certa. Pois aguçar nossa sensibilidade, com doses de mistério e paciência, transforma o ato fotográfico em uma experiência fotográfica. Ter alguns rolos de filme ainda não revelados é como ter algumas garrafas de vinho ainda não abertas, pequenos invólucros de um prazer por vir.

Para quem quer viver intensamente a experiência fotográfica, algumas dicas:

A grande concentração de lojas de equipamentos fotográficos é na Libertad. Começando perto da área dos Tribunales, existe uma sequência de lojinhas de produtos usados que vale a pena dar uma olhada.

Para comprar filmes e revelação, indico a Kinefot, na Talcahuano 244. Esta é a loja que eu uso. Mas recebi boas indicações (não visitei os locais entretanto, aguardo as suas impressões) da Buenos Aires Color ( Piedras 980) e o Centro Mayorista de Fotografia ( Libertad 434 pb 1).

compre seu filme ( os clássicos TRI-X e T-MAX são a escolha perfeita), e depois peça o revelado y la plancha de contactos, abra um bom vinho e aproveite a experiência!

2017-09-06T16:26:31+00:00

6 Comments

  1. Nossa, que coragem! Assumir este trabalho "manual" num mundo totalmente digitalizado… só mesmo para grandes profissionais como você! Por favor poste o resultado de todo este trabalho aqui! Que texto emocionante, puro, sensível! =)

  2. Oi Silvia! Obrigado pelos elogios!! Gosto muito da fotografia digital, mas a analógica não tem comparação! E é tão fácil retomar esta forma de expressão! Espero que todos que gostem de fotografia experimentem um pouco!Obrigado pela visita, é sempre uma honra! Abraço!

  3. Antonio e Ellen 12 de fevereiro de 2010 at 14:38

    Marco, nao somos fotografos e queremos ainda melhor muito nossa relacao com maquinas fotograficas, mas conseguimos perceber qto mais expressa uma imagem realizada em maquina analogica… Parabens e aguardamos os resultados .
    abracos
    Antonio & Ellen

  4. Antonio e Ellen! Obrigado pela visita!! A fotografia é uma atividade apaixonante, e o que mais vale é o fotógrafo, não o equipamento! A internet está cheia de sites com dicas de como melhorar a fotografia, e o importante é praticar! E neste ponto a foto digital é ótima, pois podemos praticar um monte, sem gastar!! Fotografe todos os dias!! Abraço!!

  5. Lenice Laflor 12 de fevereiro de 2010 at 21:42

    Oi Marco, tudo bem? Te passo um link sobre foto que pode te interessar:
    http://www.museodelaciudad.buenosaires.gob.ar/ciudad_actividades.htm#talleres

    Abs
    Lenice

  6. Oi Lenice!! Obrigado pelo link! Muito interessante o concurso fotográfico "Buenos Aires hoy, la calle"! Muito interessante mesmo, obrigado!!! Abraço!

Leave A Comment